skip to Main Content
Menu

Seus clientes não tem dinheiro para pagar pelos seus serviços?

Você já passou ou passa por isso?

Pois é, eu aprendi uma coisa a duras penas:

“O que os outros investem neles através dos seus serviços é diretamente proporcional ao que você investe em você mesmo.”

Já parou para pensar nisso?

Antigamente eu achava que precisa ganhar dinheiro para daí investir em cursos para ganhar mais.

O problema é que enquanto eu tentava aprender tudo o que eu podia de graça, era exatamente esse tipo de cliente que eu atraía. Não só isso, mas eu não tinha as ferramentas certas para fazer meu negócio crescer. Eu via os outros fazendo de fora, mas não entendia exatamente o que os levava agir como agiam.

Até que criei coragem, fiquei no vermelho por um tempo e resolvi aprender. Aprender de dentro para fora, por trás dos bastidores.

E foi aí que a coisa começou a mudar!

Eu já tinha ouvido essa mesma história de várias pessoas de sucesso que eu admiro, como Christian Mickelsen, John Assaraff, Dave Dee e Lisa Sasevich, que hoje é minha mentora. O que todos têm em comum é que mesmo não tendo dinheiro para investir, investiram no seu negócio e desde então têm um sucesso tremendo.

Por isso que semana que vem estou indo a San Diego, California, para me encontrar com a minha mentora Lisa e meu grupo de MasterMind, pois sei que enquanto eu tiver alguém para me mostrar o caminho e um grupo para me apoiar, estarei no caminho certo do sucesso, e a chance de eu desistir é muito menor.

Brian Tracy comenta em um dos seus livros que se investirmos pelo menos 3% de nossa renda anual em aprendizado, temos MUITO mais chances de dar certo! (a não ser que deixemos de colocar em prática o que aprendemos, é claro).

E você, o que está fazendo para investir em si mesmo?

Comentários

comentários

This Post Has 2 Comments
  1. Melina, parabéns. Te conheci através de um grupo do linked in e tenho acompanhado seus posts, comments e agora seu site. Pessoas como vc me trazem energia e motivação. Parabéns pelo seu site. Grande abraço. Marcus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *